As mudanças no cenário econômico e político no Brasil atualmente têm influenciado a construção da nova realidade empresarial e também afetado a confiabilidade de potenciais investidores no país. Tendo como consequência os investimentos em educação empresarial apresentarem um conjunto deficitário, onde poderiam ser norteados por ações em T&D que fossem baseadas em seminários, pesquisas, congressos etc. Temos que, devido à questão da globalização, traçar um paralelo entre as diferentes realidades que ocorrem no mundo e também no Brasil.

Mesmo diante de um cenário caótico em que nos encontramos no Brasil cerca de 14 milhões de desempregados, temos visto, empresas que têm sobrevivido no mercado, buscando aperfeiçoar ou mesmo evoluir em relação aos programas de T&D. É válido ressaltarmos que, nas últimas décadas, empresas de grande porte, utilizam estratégias criando uma verdadeira rede internacional de experimentação e aperfeiçoamento, mas ainda existe muito a evoluir nesse quesito.

Mesmo tendo ao alcance on-line, em tempo real e 24 horas, o acesso a meios globalizados, por outro lado, os “treinandos” necessitam de fato de abordagens locais que proporcionem mudanças comportamentais que determinem a excelência e o equilíbrio em atividades laborais. Aos profissionais da área de T&D, fica a pergunta que não quer calar: como encontrar de fato o equilíbrio ideal entre as necessidades locais e globais diante de um mercado de trabalho que tem sofrido tantas transformações?

Podemos definir que a Globalização, refere-se a um conjunto de ações decorrentes de três fatores primordiais, que são sofisticação logística; surgimento de blocos econômicos com acordos multilaterais que facilitem o intercâmbio de serviços e produtos; velocidade na comunicação para ofertar, negociar e formalizar negócios e também a quebra das barreiras alfandegárias.

Constatamos que a nova realidade mundial tem criado um interessante mecanismo na maneira de “capacitar de fato as pessoas”, mas, ao mesmo tempo, gerando uma sensação de que poderíamos aplicar indiscriminadamente na verdade o “T&D Globalizado”. Estamos em um momento muito delicado em nosso país, muita demanda de profissionais capacitados, buscando a recolocação profissional. E quando encontra, a realidade condizente refere-se a faixas salariais bem menores do que ganhavam antes. Vemos também outra realidade, empresas que, para enxugarem seus custos e continuarem no mercado, utiliza-se de redução do quadro de funcionários ou mesmo permanecem com o quadro de funcionários, mas reduzem seus salários.

É verdade que ao lado de vantagens concernentes à Globalização, ocorre a criação de um ambiente de extrema e acirrada competição global, impondo regras próprias. As organizações, até então, passaram a lidar com grandes desafios e com a necessidade de desenvolver competências globais, como “descobrir talentos e criar novas ideias”, levando-se em consideração a especificidade local e a diversidade, demandando competências como flexibilidade e agilidade na atuação em empresas.

Temos visto uma nova roupagem ou característica de novos profissionais, se assim podemos dizer, que venham adaptar-se a nova realidade de nosso país. Se enquadrado, está contratado, não se enquadrando, temos outros aguardando a oportunidade.

O profissional de T&D necessita gerar o capital intelectual da organização, tendo como missão fundamental a maximização de ativos intangíveis e principalmente o conhecimento tácito, onde, não podem ser registrados nos balanços patrimoniais tradicionais, visando buscar transformar essa imponderabilidade patrimonial em, de fato, resultados econômicos positivos.

Entendemos então que se torna imperativo valorizar e também manter o capital intelectual nas organizações, vide o número de profissionais capacitados que buscam a recolocação como executivos e diversos com formações em graduações e pós-graduações. Fazem-se necessárias novas estratégias de processos de T&D que venham desenvolver de fato o capital humano dentro de nossa realidade globalizada, proporcionando mais oportunidades, mas sem perder características e detalhes locais.