Vivemos dias sem precedentes, as pessoas e organizações passam por um período de desafios e provações em que muitas não sobreviverão após a pandemia.

Porém, são em tempos de crise que as organizações necessitam mais do que nunca de que seus executivos exerçam a liderança, para que inspirem e motivem suas equipes a passar por este momento da melhor forma possível.

A grande questão é… como fazer isso a distância em momentos de isolamento social e home office? A “Liderança” é um dos assuntos mais estudados e pesquisados no campo da gestão, porém o assunto “liderança on-line” deverá ser discutida e seus conceitos aprimorados nos próximos anos tendo em vista este “novo” momento e este novo cenário que viveremos nos próximos anos.

É fato que a comunicação e as relações a distância, baseadas na tecnologia, reduzem de certa forma a capacidade de transmitir emoções e possibilitam erros de interpretação por parte dos receptores da mensagem.

Por isso, o exercício da liderança a distância/on-line continua baseado nos conceitos de liderança contemporâneos, porém com alguns cuidados:

  1. O líder deve se certificar que as mensagens estão sendo interpretadas da forma correta;

2. Precisa identificar as reais necessidades e sentimentos de sua equipe;

3. Aumentar o número de interações com sua equipe e seus funcionários;

4. Transmitir emoções e inspirar a distância requer habilidade e competência.